Fumaça de Tabaco

A queima de tabaco causa a emissão de mais de 4.500 compostos, 50 dos quais suspeita-se que sejam carcinogênicos. Eles incluem NO2, NO, cianureto de hidrogênio (HCN) e N-nitro-saminas, nicotina, CO, óxidos de nitrogênio, hidrocarbonos aromáticos, acroleína, acetona, benzina e partículas suspensas aromáticas e respiráveis. Partículas originárias da fumaça de tabaco, em salas onde é permitido fumar, podem variar de 100 a mais do que 1.000 µg/m³. Por essas razões, fumar tabaco foi banido das áreas públicas internas nos Estados Unidos, Europa e Brasil. Nos locais onde fumar tabaco é permitido em áreas públicas internas, aparelhos de filtragem são freqüentemente empregados para remover os contaminantes e assegurar o conforto e a segurança dos não-fumantes que se encontram na mesma sala ou edifício.

Contato

(19) 3847-8810 sac@camfil.com

Para mais informações
KEEP UPDATED!

Subscribe to Camfil newsletter